Terça, 17 de Maio de 2022

Poucas nuvens

São Borja - RS

Geral Portal Fronteiriço

Empresa criada em São Borja compra provedora de internet do Mato Grosso por R$ 180 milhões

Sedenta por aquisições, companhia gaúcha já fechou 16 negócios em dois anos

12/05/2022 às 17h37
Por: Redação Fonte: Gaúcha ZH
Compartilhe:
Sede da Titânia Telecom no Mato Grosso; empresa foi vendida à gaúcha por R$ 180 milhões. Foto: Brasil TecPar / Divulgação
Sede da Titânia Telecom no Mato Grosso; empresa foi vendida à gaúcha por R$ 180 milhões. Foto: Brasil TecPar / Divulgação

Provedora gaúcha de serviços de internet, a Brasil TecPar segue expandindo os negócios através da compra de outras empresas. No ano passado, foram 14 companhias adquiridas. Agora, já está anunciando a segunda aquisição de 2022: a Titânia Telecom, que conta com aproximadamente 50 mil clientes no Mato Grosso, no centro-oeste brasileiro, por R$ 180 milhões.  

Com a aquisição, a gaúcha passa a atender 350 mil clientes, entre empresas e residências. Mas a meta é mais ousada: querem atingir até um milhão de usuários conectados até final do ano que vem. 

— Com essa aquisição, a Brasil TecPar se consolida ainda mais entre as maiores operações de internet do país, possuindo sede em seis estados e atuação em todo o território nacional — fala Gustavo Stock, CEO da empresa fundada em São Borja em 1995.

O empresário também diz que novas aquisições serão feitas ainda neste trimestre, mas não entra em detalhes. Essa foi a segunda aquisição da companhia em 2022. Em janeiro, foi integrada a Ponto Com, de Mato Grosso do Sul. Já em 2021, a Brasil TecPar já havia adquirido outras 14 operações, no Rio Grande do Sul, Santa Catarina,  Rio de Janeiro, São Paulo, Mato Grosso e Mato Grosso do Sul. A expectativa é fechar o ano com uma receita anualizada próxima de R$ 800 milhões.

A operação da Titânia junto com a Brasil TecPar será co-administrada por representantes dos atuais sócios e pela Brasil TecPar. A transição se dará nos próximos meses, sem impactos operacionais.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias