Domingo, 05 de Dezembro de 2021
26°

Poucas nuvens

São Borja - RS

Educação Portal Fronteiriço

Apoiada por grandes empresas, ONG chega ao RS para capacitar e encaminhar mil jovens a empregos

O programa é destinado a estudantes de escolas públicas

23/11/2021 às 14h51
Por: Redação Fonte: Gaúcha ZH
Compartilhe:
Apoiada por grandes empresas, ONG chega ao RS para capacitar e encaminhar mil jovens a empregos

Foi aberto o período de inscrições para um projeto com mil vagas no Rio Grande do Sul para capacitação profissional de jovens. Vale para estudantes do Ensino Médio em escolas públicas. Eles terão aulas de conhecimento técnico e geral, além de noções sobre mercado de trabalho. Depois, eles concorrerão a vagas de emprego exclusivas oferecidas por empresas parceiras para o projeto, encabeçado pelos institutos sociais PROA, que está chegando ao Rio Grande do Sul, e Cyrela.

— Sentimos que o mercado gaúcho é cheio de oportunidades. Os jovens são estudiosos e focados — destaca Alini Dal’Magro, CEO do Instituto PROA, que não tem fins lucrativos.

Todos os participantes do curso passam por uma formação básica com aulas de autoconhecimento, planejamento de carreira, projeto profissional, raciocínio lógico e comunicação. Depois dessa etapa, os estudantes podem optar por seis trilhas com capacitações mais específicas nas áreas de análise de dados, varejo, administração, logística, promoção de marcas e UX Design (desenvolvimento de design com foco na experiência do usuário). Ou seja, são habilidades que os recrutadores têm exigido para as vagas.

As aulas serão online e começarão em 4 abril de 2022, com duração de três meses. A inscrição gratuita pode ser feita no site da ONG até 29 de março. Depois, ocorre o encaminhamento ao emprego. Essa sequência é essencial também na solução de um problema sério no mercado brasileiro: pessoas sem trabalho enquanto há empresas com vagas abertas.

— Nosso objetivo é proporcionar oportunidades reais de empregos. Temos um time de empregabilidade que está focado em fechar parceria com empresas locais para garantir as vagas necessárias para os jovens gaúchos — conclui Alini.

Fundado em 2007 por um grupo de empresários, o PROA mantém a plataforma online com testes e orientação profissional para os jovens. Ela é patrocinada por grandes empresas, como BTG, Itaú, J.P.Morgan, Credit Suisse, iFood 3G e Cyrela. O plano é formal 400 mil jovens nos próximos anos.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias