Sexta, 17 de Setembro de 2021
16°

Céu encoberto

São Borja - RS

Esportes Portal Fronteiriço

Governo do RS autoriza parcialmente volta de torcedores aos estádios

Decisão libera 40% de capacidade para cada setor, não podendo ultrapassar o limite de 2,5 mil pessoas

02/09/2021 às 09h44 Atualizada em 02/09/2021 às 10h51
Por: Redação Fonte: Correio do Povo
Compartilhe:
Torcida não volta vai aos estádios desde o dia 12 de março de 2020 | Foto: Montagem com fotos de Wesley Santos / Agência Pressdigital & Inter / Divulgação / CP memória
Torcida não volta vai aos estádios desde o dia 12 de março de 2020 | Foto: Montagem com fotos de Wesley Santos / Agência Pressdigital & Inter / Divulgação / CP memória

O governo do Rio Grande do Sul autorizou o retorno do público aos estádios em competições esportivas, limitando a 40% da capacidade por setor e com limite de 2,5 mil pessoas. Conforme a liberação, publicada nesta quarta-feira, será preciso cumprir alguns protocolos, entre eles, o uso obrigatório de máscara. A decisão abrange os jogos da Dupla Gre-Nal. Desde de março de 2020, quando se iniciou a pandemia da Covid-19 avançou no RS, Grêmio e Inter atuam sem torcedores nas arquibancadas em Porto Alegre.

Ainda de acordo com o executivo estadual, o início da autorização depende da publicação das novas recomendações no Diário Oficial do Estado (DOE), o que deve ocorrer nos próximos dias. Além do novo decreto, a Confederação Brasileira de Futebol (CBF) precisa se manifestar positivamente pela autorização no Brasileirão. As últimas manifestações da entidade indicam que um local só poderá contar com torcida, se em todos for possível. 

Segundo o Gabinete de Crise, a ação leva em conta os dados positivos monitorados e principalmente o fato de que o número de internados suspeitos ou confirmados com Covid-19 em leitos clínicos e de UTI retomou tendência de queda, acentuando o ritmo de redução na última semana.

A liberação de eventos sociais também foi analisada. O Estado optou por liberar, a partir de 1º de outubro, uso de pista de dança em eventos infantis, sociais e de entretenimento, com teto de 150 pessoas no protocolo variável, podendo chegar a até 350 pessoas caso seja decidido e autorizado pelas regiões. No entanto, será mantida a obrigação do uso de máscara e o cumprimento dos demais protocolos. Por ora, em casas de shows, casas noturnas e similares segue a proibição do uso de pista de dança.

“Estamos avançando nas liberações e redução das restrições devido à melhora no cenário da pandemia no RS e por sermos um dos Estados que mais vacina no país, estando sempre no topo do ranking. A decisão sobre os eventos, assim como outras flexibilizações, serão reavaliadas conforme a gente atingir a meta de completar o esquema vacinal de pelo menos 70% da nossa população, que é o percentual definido por especialistas no mundo todo para a chamada imunidade coletiva”, afirmou o governador Eduardo Leite. Todas as mudanças serão detalhadas em decreto e só estarão válidas após publicação no Diário Oficial.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou que contenham palavras ofensivas.
Ele1 - Criar site de notícias