Alemão - Super Banner
Portal Fronteiriço
Top Trânsito
Portal Fronteiriço
Ropel Distribuidora de Bebidas - Super Banner
Agropecuária Centauro
Japa EAD
Ratinset - Super Banner Topo
Imobiliária Fred Janot
Portal Fronteiriço

Vereador Jefferson Homrich cria PL o qual determina que instituições de ensino efetivem campanhas de orientação com relação aos riscos do tabagismo e do alcoolismo

.

09/06/2021 09h35
Por: Redação
Fonte: Comunicação Social Câmara de Vereadores de São Borja
Reprodução
Reprodução

Nesta segunda-feira, 07 de junho, o Vereador Jefferson Olea Homrich (PTB), protocolou na secretaria da Casa Legislativa um Projeto de Lei que dispõe sobre a obrigatoriedade de escolas públicas, privadas e universidades, efetuarem campanhas destinadas a orientar os estudantes com relação aos problemas decorrentes do tabagismo e do alcoolismo.

Conforme o parlamentar, a proposição objetiva que as instituições de ensino superior, ao decorrer do ano letivo, transmitam informações e orientações com respeito ao tema. “Acreditamos que a escola é o lugar idôneo para um trabalho educacional de prevenção do uso de álcool, cigarros e drogas, pois quem compõe a escola são pessoas envolvidas nos mais variados âmbitos da sociedade. Informação correta e coerente, para uma boa prevenção não depende da quantidade de informações, mas do crédito dado a ela e isto começa desde muito cedo”, diz Jefferson.

Assim, tais campanhas poderão ser efetivadas em diversos formatos, como por exemplo, reuniões, palestras e atividades em prol da causa e, deste modo, fica aberta a participação de toda a comunidade escolar, profissionais de saúde, profissionais de conhecimentos na área, entre outros.

Em justificativa, Jefferson Olea Homrich aponta que, “no caso da prevenção ao uso/consumo do álcool, cigarro e drogas nas escolas o assunto está focado em oferecer informações e orientações para melhores escolhas, sensibilização e valores de vida; já que o assunto envolve, vida, saúde, família, religião, cultura, sentimentos e aprendizados. Por isso, o objetivo é trabalhar a prevenção primária; e o sentido desta palavra quer dizer “evitar”, “chegar antes”, e que se deve sim; debater nas nossas escolas tal assunto, realizando assim campanhas para prevenir nossas crianças e adolescentes desse mal que infelizmente se faz presente no dia a dia de nossa sociedade”, enfatiza o parlamentar.

Além disso, o vereador destaca dados da Organização Mundial da Saúde – OMS, em que indicam que a dependência em drogas lícitas e ilícitas é prejudicial à saúde e, consequentemente, o uso indevido de substâncias como álcool e cigarro é um problema de saúde pública de ordem internacional que cresce consideravelmente a cada dia. 

Por fim, sob esta linha de raciocínio, o parlamentar compreende que o papel da escola é o de formar cidadãos participativos e com senso crítico e, nesta conjuntura, as ações de prevenção ao uso de drogas nas escolas, em sua visão, devem ser tratadas dentro do contexto da prática pedagógica. “A escola é parte da sociedade, por isso a importância de se desenvolver tal assunto neste ambiente, mostrando que prevenção é o caminho necessário para se coibir o uso/consumo de drogas, em virtude de todos os danos que ela causa à saúde e a sociedade”, diz.

* O conteúdo de cada comentário é de responsabilidade de quem realizá-lo. Nos reservamos ao direito de reprovar ou eliminar comentários em desacordo com o propósito do site ou com palavras ofensivas.